Buchenavia spp. – Combretaceae

carará · cuiarana · mirindiba · periquiteira · tanibuca · yellow-sanders
B. capitata Eichi., B. huberi Ducke, B. macrophylla Eich., B. sp., B. grandis Ducke, B. ochroprurumna Eichi.

  • CARACTERÍSTICAS GERAIS: cerne marrom, marrom-claro ou marrom-amarelado-claro, pouco distinto do alburno amarelo-pálido. Anéis de crescimento distintos e irregulares, grã direita ou revessa, textura fina a média e brilho moderado. Cheiro agradável quando verde e imperceptível após a secagem.
  • DENSIDADE: madeira de densidade média, com densidade a 12% de umidade de 940 kg/m3 para B. huberi e 840 kg/m3 para B. capitata e densidade verde de 1.250 kg/m3.
  • SECAGEM: rápida em estufa, com tendência a encanoamento moderado, no programa de secagem 1.
  • TRABALHABILIDADE: difícil de serrar e de aplainar. O acabamento superficial é regular na plaina e excelente na lixa, no torno e na broca.
  • DURABILIDADE: resistência moderada ao ataque de fungos apodrecedores e altamente resistente a cupins. Apresenta pequena resistência às brocas marinhas.
  • PRESERVAÇÃO: alburno moderadamente fácil de tratar com creosoto e cerne não tratável com CCA-A, mesmo quando aplicados sob pressão.
  • USOS: construção civil, assoalhos, lâminas decorativas, peças torneadas, cabos de ferramentas e outros.

Fonte: Labratório de Produtos Florestais – IBAMA-Brasília